Realeza, 16 de December de 2018 - Paraná - BR

Notícias

Autor: Admin

Literatura foi tema do desfile cívico em Realeza

Em Realeza o desfile cívico em comemoração ao Dia da Independência do Brasil, 07 de setembro, contou neste ano com a temática literatura, na área de educação.

Alunos das escolas e centros de educação infantil do município representaram autores, histórias e contos. Todo o vestuário e acessórios utilizados foram confeccionados pelos professores, e funcionários das instituições, sem custos aos alunos.

A programação iniciou com os hasteamentos das bandeiras do Brasil, Paraná e Realeza, seguido pelos discursos das autoridades, na Praça Central. A abertura do desfile foi realizada pelos membros do Clube do Vovô, e em seguida pelos alunos dos Centros Municipais de Educação Infantil; Pequeno Príncipe, Pequeno Anjo, Criança Feliz, e Pingo de Gente.

O desfile contou também com a Banda Municipal, alunos da APAE, Escola Tesouro Encantado, Escola Municipal Juscelino Kubitschek, Escola Municipal Independência, Escola Municipal Guerino Lotici, Escola Estadual de Saltinho, Escola 24 de Junho, Colégio Real, Escola Municipal Menino Jesus, Escola Municipal Santo Antonio, Escola Municipal Modesto de Palma, Escola Estadual de Flor da Serra, Casa Familiar Rural, Escola Estadual Dom Carlos Eduardo, Colégio Estadual João Paulo II, Colégio Estadual Doze de Novembro, Pastoral da Juventude, Moto Clube Sossegados do Asfalto, e Moto Grupo Realeza em Duas Rodas, Secretaria de Saúde, Grenal do Idoso, militares do Exército Brasileiro do 33º Batalhão de Infantaria Motorizada de Cascavel e 16º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado de Francisco Beltrão, e membros do CTG Sinuelo da Saudade.

“Com a dedicação e união de todos conseguimos realizar um excelente desfile, mostramos a diversidade de idades, despertamos o gosto pela literatura, além do civismo do evento, todos os objetivos foram alcançados. Agradecemos a todos os profissionais da educação, alunos, pais, participantes, e a população que prestigiou o desfile”, destaca a secretária de educação, Leocárdia Andreolli.